DNS via linha de comando

O comando DNScmd é tudo que o administrador de DNS precisa de ter para fazer as tarefas de DNS sem uma interface gráfica. Isso é necessário para fazer scripts, agendar tarefas, ou também para administrar servidores 2008 versão core.

Nesse primeiro tutorial explico como fazer a tarefa mais básica e portanto a mais usada. Criar um arquivo A apontando para um endereço IP.

Nesse tutorial também explico como agendar essa tarefa para um certo horário, também via linha de comando.(na próxima edição)

Procedimento:
1- Comando para a exclusão de um arquivo A
2- Comando para a criação de um arquivo A
3- Criar o “script”
4- Agendar a execução desse “script”

O procedimento é bem simples e os comando são fáceis de entender
1- Comando para a exclusão de um arquivo A

o comando é o DNScmd com o switch /recordDelete e umas opções que vou lhes explicar
dnscmd /recorddelete ZONA.Minhaempresa teste A 10.0.0.100

se for executar o comando em um outro servidor, devemos digitar o nome do servidor antes do nome da “zona”.  Nesse caso estou executando localmente. O nome da zone é o nome da zona “forward lookup”.

doc é o nome para qual o IP 10.0.0.100 resolve.  e “A” é o tipo de arquivo DNS

para saber mais sobre o comando digite dnscmd /recorddelete /?

2-Comando para a criação de um arquivo A

esse vez vamos usar o switch /recordadd

dnscmd /recordadd ZONA.Minhaempresa teste A 10.0.0.100
a explicação é a mesma para o comando anterior.

3- Criar o “script”.
A palavra script é muito mal usada na área de administração de de sistemas, principalmente Windows. A palavra deve ser usada para códigos de uma linguagem de scripting(powershell, VBS, WMI, javascript e etc) e nãp para qualquer serie de comandos MSDOS. Bom a criação do “script” e bem intuitiva e voce pode usar qualquer editor de texto puro como notepad ou notepad++ ou outro.
Copie e cole os dois comandos no editor de texto e salve como arquivo com a extensão bat (em notepad use aspas duplas para não ficar como arquivo de texto, exemplo “dns_trocar.bat”)

4- Agendar a execução desse “script”
no próximo post vou escrever um outro artigo que explica com agendar tarefas usando o comando schtasks.

Um comentário em “DNS via linha de comando

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s